Jovem que morreu carbonizado em acidente é homenageado por equipe do Samu; Vídeo

Leonardo Pinheiro ia trabalhar no Samu de Guaraí, na região centro-norte do Tocantins. Acidente que tirou a vida do jovem aconteceu na rodovia TO-336, próximo de Colméia.

Compartilhe:

A equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Araguaína, no norte do estado prestou uma homenagem a Leonardo Pinheiro de Abreu, que morreu carbonizado após um acidente de carro na TO-336. Em um vídeo, os profissionais lamentam a perda do técnico de enfermagem, que estava prestes a começar a trabalhar no Samu de Guaraí na próxima semana.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

Assista o vídeo:

“Viemos aqui prestar nossos sentimentos e condolências ao colega Leonardo que faleceu ontem. Nós estamos aqui para confortar a família e pedir a Deus que o receba em paz. Estamos sentindo a perda de um jovem que tinha a vida pela frente. Nós, do Samu de Araguaína, prestamos nossos sentimentos a toda a família”, disse um dos profissionais.

Leonardo havia passado por treinamento em Araguaína e foi considerado apto para exercer a função de técnico de enfermagem no Samu de Guaraí. Ele iria iniciar o trabalho na próxima segunda-feira (3). No vídeo, aparecem imagens do período de treinamento de Leonardo.

Acidente

O técnico de enfermagem morreu após colidir com o carro em uma árvore na rodovia TO-336, próximo de Colméia, na região centro-norte do estado. O acidente foi registrado na noite de quarta-feira (29). A Polícia Militar encontrou o corpo carbonizado dentro do carro, e os bombeiros foram chamados para apagar o fogo e retirarar o corpo que estava preso às ferragens.

Leonardo era natural de Goianorte, mas residia e trabalhava em Guaraí. Segundo a família, no momento do acidente, ele estava retornando para casa depois de visitar os pais.

Técnico de enfermagem morre carbonizado após carro colidir em árvore e pegar fogo
Foto: Divulgação

A Prefeitura de Guaraí e a universidade Unopar, onde Leonardo estudava, publicaram notas nas redes sociais lamentando a morte do técnico.