Homem invade casa, agride ex e mata atual namorado dela com tiro na cabeça

Crime aconteceu em Barrolândia, na região central do Tocantins. Suspeito de 33 está sendo procurado pela polícia por atirar em Denizo Borba Moreira, de 29 anos, por ciúmes.

Compartilhe:

Um homem de 29 anos foi assassinado com um tiro na cabeça após uma briga com o ex-companheiro da namorada. O crime ocorreu na casa da mulher, em Barrolândia, na região central do estado, e o principal suspeito teria agido por ciúmes.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

A confusão que antecedeu o homicídio aconteceu na madrugada desta sexta-feira (31). De acordo com a Polícia Militar, o eletricista Denizo Borba Moreira estava na casa da namorada quando o suspeito, de 33 anos, quebrou uma janela, fez ameaças de morte ao casal e invadiu o local.

A mulher relatou aos policiais que foi agredida pelo ex, sofrendo cortes na cabeça e nos pés, além de ter recebido diversos socos em um dos ouvidos.

Os dois homens também se agrediram fisicamente. Quando chegaram à sala da casa, o suspeito, que estava armado, atirou e atingiu a cabeça de Denizo. A mulher contou que o ex afirmou que mataria apenas o namorado dela e a deixaria viva.

Homem invade casa, bate em ex e mata atual namorado dela com tiro na cabeça
Denizo Borba foi morto com tiro na cabeça – Foto: Divulgação

Segundo a polícia, o crime foi motivado por ciúmes, mas a mulher afirmou que já não tinha mais nenhuma relação com o suposto autor do crime.

A Perícia analisou a cena do crime e o corpo de Denizo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Paraíso do Tocantins para exames de necropsia, sendo posteriormente liberado.

A PM informou que, logo após o crime, realizaram buscas, mas o suspeito, conhecido na cidade, não foi encontrado até a tarde desta sexta-feira. A Polícia Civil investigará o homicídio.

A Prefeitura de Barrolândia publicou uma nota de pesar nas redes sociais, lamentando a morte de Denizo e expressando solidariedade à família e amigos. “Neste momento de tamanha dor, oramos a Deus para que Ele conforte o coração de cada ente querido”, disse a administração em trecho da nota.