Polícia divulga cartaz de procurado de suspeito de matar namorado da ex e atirar no próprio filho

Crime foi em Araguaína. Raimundo Filho Pereira da Luz é procurado por homicídio, tentativa de homicídio contra a ex-companheira e um dos filhos, além de violação de medida protetiva de urgência.

Compartilhe:

O suspeito de assassinar o atual namorado de sua ex-mulher e de atirar no próprio filho foi identificado como Raimundo Filho Pereira da Luz, de 44 anos. O crime aconteceu em Araguaína, no norte do Tocantins, e desde a noite do crime, na terça-feira (26), ele está foragido e é procurado pela Polícia Civil.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

Além do homicídio do namorado da ex-companheira, André Nascimento Lima, de 33 anos, Raimundo também será indiciado por tentativa de homicídio contra a ex-companheira e um de seus filhos, bem como por violação de medida protetiva de urgência. O juiz da comarca de Araguaína emitiu um mandado de prisão preventiva para ele nesta quarta-feira (27).

Entenda

Segundo informações da Polícia Militar, o servidor público municipal Raimundo invadiu a casa por volta da 1h, motivado por ciúmes, e disparou contra André. A vítima foi atingida por vários tiros e morreu no local.

O filho do suspeito, de 14 anos, ficou ferido ao tentar impedir que o pai atirasse contra a mãe. Ele foi atingido na mão e na boca. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) prestou os primeiros socorros e o encaminhou ao Hospital Regional de Araguaína (HRA), onde está internado.

Homem mata namorado da ex-mulher e atira no filho que interveio para defender a mãe
Ajudante de obras André Nascimento Lima foi morto com vários tiros

O delegado responsável pela investigação, Adriano de Aguiar Carvalho, afirmou que, com base nas evidências encontradas no local do crime, não há dúvidas sobre a autoria do homicídio.

Histórico de violência doméstica, ameaça e injúria

Raimundo já possui histórico policial por crimes como violência doméstica, ameaça e injúria. Ele estava proibido judicialmente de se aproximar de sua ex-mulher, de 36 anos, mas descumpriu a medida protetiva pouco antes de invadir sua residência.

A própria ex-mulher ligou para a polícia para relatar que havia visto o ex-companheiro na frente de sua casa. Ele fugiu naquele momento, mas retornou horas depois armado, cometendo os crimes.

Homem mata namorado da ex-mulher e atira no filho que interveio para defender a mãe
Foto: Divulgação

Qualquer pessoa que tenha informações sobre o paradeiro de Raimundo deve entrar em contato com a 2ª Divisão Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP – Araguaína) através da Central 197 ou do telefone (63) 3411-7366, que também funciona como WhatsApp. O sigilo do denunciante será garantido.

A Prefeitura de Araguaína confirmou que o suspeito é servidor municipal e informou que a Procuradoria Geral do Município está ciente do caso, aguardando notificação oficial do Ministério Público ou da Polícia Civil para tomar as medidas legais cabíveis.

>> Participe da comunidade do #SouMaisNoticias no WhatsApp