Criminosos invadem unidade de saúde e executam paciente com com facadas no pescoço

Crime aconteceu em Pequizeiro (TO). Cleonardo Américo da Silva, de 29 anos, estava internado tratando de ferimento de faca braço. Um dos suspeitos se apresentou à delegacia e foi liberado após ser ouvido.

Compartilhe:

Dois homens invadiram uma unidade de saúde em Pequizeiro, no oeste do Tocantins, e assassinaram a facadas Cleonardo Américo da Silva, de 29 anos. O crime ocorreu na madrugada desta segunda-feira (8) após a vítima ter dado entrada na unidade devido a um ferimento no braço causada por uma facada.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

Um dos suspeitos do crime se apresentou à delegacia e foi liberado após ser ouvido.

Segundo informações da equipe médica à Polícia Militar, os invasores arrombaram a porta da sala vermelha da unidade por volta de 1h da madrugada. Após entrar, os suspeitos desferiram vários golpes na região do pescoço de Cleonardo, causando sua morte.

Os profissionais de saúde conseguiram escapar pela porta de emergência, enquanto os invasores fugiram pela mesma janela do corredor dos fundos por onde haviam entrado.

Testemunhas relataram ter visto os suspeitos fugindo em uma motocicleta de cor verde, caracterizada por um escapamento barulhento.

Um vídeo circulando nas redes sociais mostra a porta de um consultório danificada após a invasão dos criminosos. A equipe médica relatou à PM que os invasores arrombaram a porta e atacaram Cleonardo com golpes no pescoço, resultando em sua morte. Os suspeitos utilizaram uma janela no corredor dos fundos para entrar e sair da unidade antes de fugir em uma motocicleta.

Assista o vídeo:

Desentendimento anterior

Segundo informações da Polícia Civil, Cleonardo e um dos suspeitos eram amigos há muito tempo, mas a relação entre eles era marcada por conflitos. Na noite anterior, após consumirem bebida alcoólica, ambos se desentenderam, levando a vítima a atacar o suspeito com uma pá. O suspeito alegou que, em legítima defesa, desferiu uma facada no braço de Cleonardo.

Após as agressões, Cleonardo fugiu, mas mais tarde retornou ao local em busca de ajuda, sendo negada pelo suspeito. Ele então buscou atendimento médico na unidade médica de Pequizeiro. Mais tarde, após ir para casa, o suspeito foi para o hospital e desferiu uma facada fatal na garganta de Cleonardo.

A Secretaria de Segurança Pública do Tocantins confirmou que um dos envolvidos se apresentou à delegacia algumas horas depois do ocorrido e foi liberado após prestar depoimento. Após a realização da perícia, o corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML).

>> Siga o canal do “Sou Mais Notícias” no WhatsApp e receba as notícias no celular.