Vídeo registra momento em que mãe com bebê de 8 meses no colo cai em bueiro em Goiás

Mãe cai no buraco antes de entrar em um carro. Prefeitura afirma que uma equipe foi até o local para consertar o buraco nas grades do bueiro.

Compartilhe:

Uma mulher com um bebê no colo caiu em um bueiro com um buraco nas grades em Águas Lindas de Goiás, no Entorno do Distrito Federal. Uma câmera de segurança registrou o momento exato em que a mãe caiu antes de entrar em um carro estacionado próximo à calçada.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

Assista o vídeo:

Mayara do Carmo relatou que, no momento da queda, estava com seu filho de oito meses no colo. O acidente ocorreu na noite de quinta-feira (16), no bairro Jardim Brasília. Em nota, a Prefeitura informou que enviou uma equipe ao local para consertar o buraco nas grades do bueiro.

As imagens mostram Mayara saindo de uma loja com o bebê nos braços e acompanhada do filho de sete anos. Um carro branco estaciona próximo à calçada, o menino mais velho entra, e quando a mãe tenta entrar, ela cai no buraco. Em seguida, pessoas próximas ao local a socorrem.

Mayara sofreu um corte profundo na perna, que precisou de oito pontos para ser fechado. Apesar do susto, o bebê não se feriu. Atualmente, Mayara está em casa tomando remédios, mas sente muitas dores porque, segundo ela, é difícil repousar com duas crianças.

mãe com bebê de 8 meses no colo cai em bueiro em Goiás
Foto: Divulgação.

Mayara também comentou que não viu o buraco nas grades do bueiro e que, após o acidente, descobriu que outras pessoas também já caíram e se machucaram no local. Ela exige que as grades sejam consertadas para evitar mais vítimas.

O que diz a Prefeitura

Em resposta à demanda, a Prefeitura de Águas Lindas de Goiás informa que uma equipe da Secretaria Municipal de Obras será enviada ao local para realizar uma inspeção detalhada e verificar as medidas necessárias para solucionar o problema do buraco no bueiro mencionado. Garantimos que todas as ações corretivas serão tomadas de forma rápida e eficiente para evitar que situações semelhantes ocorram novamente.

*Com informações do G1