Vídeo flagra PMs ameaçando simular infração de trânsito para multar motociclista em Goiás; Assista

Polícia Militar de Goiás informou que investigar o caso internamente e disse que os policiais e o motociclista já foram ouvidos pela Corregedoria da corporação.

Compartilhe:

Dois policiais militares de Goiás foram gravados durante uma abordagem a um motociclista em Senador Canedo, na Região Metropolitana de Goiânia. No vídeo, os PMs sugerem que poderiam aplicar uma multa de R$ 7 mil por uma infração de trânsito ao motociclista, caso ele não concordasse com um acordo entre eles.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

Assista o vídeo:

Em comunicado, a Polícia Militar de Goiás não especificou as circunstâncias que levaram à abordagem do motociclista, nem explicou a natureza do acordo entre ele e a equipe policial. No entanto, afirmou que irá conduzir uma investigação interna sobre o caso.

De acordo com a corporação, os dois policiais militares que aparecem no vídeo se apresentaram voluntariamente à Corregedoria para prestar depoimento e esclarecer as circunstâncias mostradas nas imagens. O motociclista também foi ouvido, tanto pelos policiais quanto pela Corregedoria da PMGO.

No vídeo, o motociclista manifesta sua indignação com a situação, afirmando que não cometeu nenhuma infração para ser multado, sugerindo que está sendo alvo de uma ameaça por parte dos policiais.

PM 1: “Você tem até as 17h para resolver isso. Se não resolver, vamos registrar a placa da sua moto e aplicar uma multa”.
PM 2: “Falou em R$ 4 mil, mas eu vou fazer uma multa de R$ 6 mil”.
PM 1: “Podemos alegar que você fez uma manobra perigosa, como empinar e frear. A multa por manobra perigosa é de R$ 3 mil também. Podemos dizer que você empinou na frente da viatura e freou. Além disso, uma multa por mexer no celular, totalizando cerca de R$ 7 mil”. Motociclista: “Mas eu não fiz nada disso”.
PM 1: “Então, vá lá, estou aguardando”.
PM 2: “Pense com o bolso”.
PM 1: “Não, pense no prejuízo financeiro. Se pensar com o coração, não fará nada. Pense na dor que vai sentir depois”.

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), no artigo 175, manobras perigosas, como empinar a moto, dar arrancadas bruscas, derrapar ou frear de maneira arriscada, são consideradas infrações gravíssimas. A multa para esse tipo de infração é multiplicada por 10 e custa cerca de R$ 3 mil, podendo também resultar na suspensão da carteira de motorista.

O que diz a PMGO

Em relação ao vídeo que circula mostrando uma abordagem a um motociclista em Senador Canedo-GO, a Polícia Militar de Goiás informa:

Após tomar conhecimento das imagens, a Polícia Militar determinou a abertura de um procedimento para apuração dos fatos. Os militares se apresentaram voluntariamente à Corregedoria da corporação para prestar esclarecimentos sobre as circunstâncias mostradas no vídeo. O motociclista abordado também foi ouvido na Corregedoria da PMGO.

A Polícia Militar de Goiás reitera seu compromisso com o cumprimento da lei e ressalta que não tolera nenhum tipo de desvio de conduta por parte de seus membros.