Sobe para oito o número de mortos no acidente envolvendo dois veículos na GO-415

Vítimas foram recebidas em estado grave por hospital, mas não resistiram aos ferimentos. Mulher ferida segue internada em estado grave.

Compartilhe:

Chega a oito o úmero de mortos no acidente envolvendo dois veículos na GO-415, em Goianápolis, na Região Metropolitana de Goiânia. A batida ocorreu na noite de domingo (7), inicialmente resultando na morte de seis pessoas no local e deixando outras três feridas, que foram levadas para o Hospital Estadual de Anápolis. Uma das pessoas feridas, uma mulher, continua internada em estado grave.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

De acordo com informações do Instituto Médico Legal (IML), as vítimas Guilherme Viana e Karuliny Dorneles foram levadas para uma unidade de saúde em estado grave, porém não resistiram aos ferimentos. Uma terceira mulher, identificada como Luana, sofreu ferimentos graves e está em estado crítico na UTI do Hospital de Anápolis.

Segundo relatos de amigos, Luana é esposa de Guilherme, que estava dirigindo o Voyage no momento do acidente. Ela está grávida. Seu marido foi resgatado com vida e transportado para o mesmo hospital onde ela está internada. No entanto, apesar dos esforços, ele não resistiu e faleceu.

As outras vítimas fatais foram identificadas como Cláudio Delmondes Cavalcante, Max Suel Dias de Sousa, Richard Henrique Sousa B. Cardoso, Leandro Lopes da Costa e Giliarde Alves Rodrigues.

Vítimas de acidente envolvendo dois veículos na GO-415
Foto: Divulgação

A rodovia ficou coberta por objetos pessoais, destroços dos veículos e óleo diesel após o acidente. As circunstâncias da colisão ainda não foram divulgadas.

Um funcionário de uma fábrica de rações próxima ao local do acidente relatou que o ruído da batida foi ensurdecedor e assustou os demais trabalhadores.

colisão entre dois veículos deixa vítimas na GO-415
Foto: TV Anhanguera

Amigos que morreram no acidente tinham saído de cavalgada e comemoravam aniversário de um deles

Segundo Sergival Cavalcante, mecânico automotivo de 43 anos e irmão de uma das vítimas, os seis amigos que morreiram no acidente tinham acabado de participar de uma cavalgada e estavam celebrando o aniversário de 13 anos de um deles.

“Eles estavam indo para uma festa em Goianápolis para comemorar o aniversário do mais jovem da turma, que estava completando 13 anos. Estava acontecendo uma festa em Goianápolis e eles vieram para dar continuidade à comemoração dele”, disse Sergival.

A escola que o adolescente Bruno Ferreira dos Santos, uma das vítimas do acidente, frequentava, suspendeu as atividades acadêmicas desta segunda-feira (8) em luto pelo aluno. Os corpos dos amigos estão sendo velados coletivamente na quadra de esportes de Terezópolis de Goiás.