Líder de assentamento é executado a tiros em estrada rural no norte do Tocantins

Crime aconteceu em Nova Olinda. Cícero Rodrigues de Lima, de 58 anos, foi assassinado com cinco tiros de revólver, segundo a Polícia Militar.

Compartilhe:

O líder de assentamento Cícero Rodrigues de Lima, de 58 anos, foi assassinado a tiros na área rural de Nova Olinda, no norte do estado. A Polícia Militar informou que encontrou o corpo da vítima caído em uma estrada vicinal, sem vida.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

A perícia revelou que Cícero foi atingido por cinco disparos de arma de fogo por volta das 16h50 de segunda-feira (3). Até o momento, nenhum suspeito havia sido detido. O caso é investigação da Polícia Civil.

Cícero Rodrigues ocupava o cargo de presidente da Associação de Produção Comunitária Rural (APC Rural) e da associação dos assentados do P.A. (Projeto de Assentamento) Remansão, localizado em Nova Olinda. Ele também era reconhecido como parte da liderança da Articulação Camponesa de Luta pela Terra e pela Defesa dos Territórios, de acordo com a Comissão Pastoral da Terra.

A prefeitura de Nova Olinda expressou seu pesar pela perda de Cícero e ofereceu condolências aos seus amigos e familiares. “Cícero era uma figura proeminente na comunidade, conhecida por sua integridade e disposição em auxiliar seus colegas”, declarou o prefeito Jesus Evaristo Cardoso em comunicado.

Cícero deixa esposa e filhos. Seu corpo está sendo velado na residência da família em Araguaína, com o sepultamento programado para as 16h desta terça-feira (4).