Influencer é hospitalizado após morder pequi e ficar com a língua cheia de espinhos

Caso aconteceu em Caldas Novas (GO). Influenciador disse que se empolgou ao comer o fruto pela primeira vez. Ele detalhou que foram retirados 56 espinhos.

Compartilhe:

O influenciador digital Dellano Cruz, de 33 anos, compartilhou em sua conta no Instagram que precisou ser hospitalizado após morder um pequi em Caldas Novas, no sul de Goiás. O incidente começou quando Dellano notou o fruto no arroz e ficou encantado ao descobrir que era o pequi que ele tinha vontade de experimentar. Só que ao invés de roer, ele mordeu o caroço, repleto de espinhos.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

Assista o vídeo:.

“Eu gostei tanto, mas achei o processo um pouco lento, estava tentando comer, estava um pouco duro, então dei duas boas mordidas, mastiguei tranquilamente e não senti os espinhos. Quando tomei um refrigerante, olhei para o meu amigo e disse: ‘Acho que minha língua está cheia de espinhos’”, relatou.

O vídeo mostra Dellano saboreando o fruto com o caroço visível, quando percebe que algo está errado. Em seguida, os funcionários do restaurante o orientam a procurar um hospital. O influenciador detalhou que foi até uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde recebeu atendimento e foram removidos 56 espinhos.

“Na UPA, quando cheguei, o pessoal disse: ‘é turista’. Fui atendido muito bem, o pessoal conversou bastante e até se divertiu também”, contou.

Natural do Ceará, Dellano afirmou que visitou Goiás pela primeira vez neste mês e foi até Caldas Novas atraído pelas águas quentes.

“Fiquei muito feliz com a repercussão. Ela faz com que as pessoas conheçam o pequi, que é uma iguaria deliciosa. Todos conhecem o nome do pequi, mas nem sempre sabem que ele tem espinhos e que não se deve morder o caroço”, destacou.

Dellano disse ainda que lidou com a situação com calma, mas a reação nervosa dos funcionários do restaurante gerou um pouco de tensão.

“Eu estava tranquilo, mas fiquei um pouco tenso quando o rapaz disse que eu precisaria ir ao médico. No entanto, mantive a calma, com muita serenidade”, destacou.

>> Participe da comunidade do #SouMaisNoticias no WhatsApp.