Homem desmaia após levar chute na cabeça de um PM no interior do Tocantins; Vídeo

Ocorrência foi registrada em um evento de futebol, em Rio Sono, na região central do estado. A PM informou que abriu processo administrativo para apurar a conduta e que policial foi afastado.

Compartilhe:

Um homem desmaiou após ser atingido por um chute na cabeça dado por um policial militar durante uma tentativa de separar uma briga em Rio Sono, na região central do estado. A Polícia Militar informou que está ciente do caso e iniciou um processo administrativo para investigar a conduta do policial, que foi afastado do serviço operacional.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

O caso ocorreu durante um evento de futebol no sábado (25). A cena foi registrada em vídeo e compartilhada nas redes sociais. Nas imagens, dois homens, identificados como estando embriagados por testemunhas, são vistos trocando socos no chão, enquanto outras pessoas tentam sem sucesso separar a briga.

Assista o vídeo:

Pouco depois, policiais chegam ao local em uma viatura. Um dos policiais se dirige aos homens e chuta a cabeça de Luis Fernando Gama, de 34 anos, que desmaia imediatamente. Em seguida, o mesmo policial ameaça chutar o outro envolvido na briga, que já estava de pé e se afastando da cena.

Ainda inconsciente, Luis Fernando é arrastado pelo policial e colocado na carroceria da viatura com a ajuda de outro militar. De acordo com familiares, ele foi levado para a delegacia e posteriormente, acompanhado por seu tio, ao hospital municipal. Após receber atendimento médico, ele foi liberado e está se recuperando.

A família de Luis Fernando considera a abordagem do policial desproporcional e pretende denunciar o caso à Corregedoria da Polícia Militar.

Em resposta, a PM declarou que, após tomar conhecimento da ocorrência, o policial envolvido foi afastado do serviço operacional e foram iniciadas as medidas para uma investigação adequada.

O que diz a Polícia Militar

“A Polícia Militar do Estado do Tocantins esclarece que, ao tomar conhecimento do fato ocorrido na cidade de Rio Sono, na noite de sábado, 25 de maio, determinou a abertura de procedimento administrativo para apurar as circunstâncias e condutas individuais de todos os envolvidos na ocorrência registrada em vídeo.

Na ocasião, a Polícia Militar do Tocantins reforça seu compromisso com a lei, a ordem e a ética, e o compromisso de proteger e garantir o bem-estar da população tocantinense.”