Homem de 62 anos suspeito de estuprar criança de seis anos no Tocantins é preso no Maranhão

Crime aconteceu em 2005, em São Miguel do Tocantins. Segundo a polícia, o suspeito atraiu a vítima com doces no bar em que ele era dono.

Compartilhe:

Um homem de 62 anos, foi preso nesta terça-feira (28) em Paraibano, no Maranhão. Segundo a Polícia Civil, ele é investigado por estupro de vulnerável, crime ocorrido em 2005, em São Miguel do Tocantins, no norte do Tocantins.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

Segundo a polícia, os investigadores descobriram que o foragido estava residindo no Maranhão, especificamente em Paraibano, para onde fugiu após ser denunciado no Tocantins.

Com as informações e mediante a troca de informações com a Polícia Civil de Paraibano que, com o apoio da Polícia Militar maranhense, conseguiu capturar o indivíduo. Ele foi então encaminhado à Cadeia Pública local, onde ficará à disposição do Poder Judiciário da Comarca de Itaguatins.

Os abusos

De acordo com a Polícia Civil, os crimes contra a criança ocorreram em 2005, quando o homem, então proprietário de um bar em Bela Vista, foi denunciado por abusar sexualmente da vítima mais de dez vezes. As investigações revelaram que o suspeito usava a mesma estratégia para atrair a criança, oferecendo balas, doces, refrigerantes e pequenas quantias em dinheiro. Quando a vítima entrava no bar, era submetida aos abusos.

Os abusos cessaram quando a criança relatou os fatos aos pais, levando à investigação e descoberta de fortes indícios dos crimes pela Polícia Civil. No entanto, o suspeito fugiu antes de ser preso e foi considerado foragido até esta terça-feira, quando foi capturado mediante cumprimento de mandado de prisão preventiva.