Guarda municipal de Belém é preso por agredir ex-namorada em frente a bar; Vídeo

Suspeito tinha sido afastado do cargo e teve o posse de arma suspenso. O crime aconteceu em fevereiro deste ano e foi gravado por testemunhas.

Compartilhe:

Nesta quarta-feira (15), a Polícia Civil de Belém prendeu um guarda municipal suspeito de agredir sua ex-namorada em frente a um bar. Crime aconteceu na travessa Vileta, no bairro do Marco, na capital paraense e foi filmado por testemunha.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

Assista o vídeo:

O crime ocorreu em fevereiro deste ano. No vídeo é possível ver o momento em que o suspeito, identificado como Diego Silva Costa, desferiu diversos tapas no rosto da vítima, fazendo-a cair no chão.

Um mandado de prisão foi emitido pela 4ª vara de violência doméstica e familiar contra a mulher de Belém, fundamentado pelo amplo histórico de violência doméstica do agressor.

O caso ganhou destaque nas redes sociais em março, quando a vítima denunciou publicamente as agressões. Ela relatou que as violências já haviam ocorrido anteriormente, resultando em lesões na cabeça, boca, braços e diversos hematomas pelo corpo.

A Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher está conduzindo as investigações, e o guarda municipal responderá pelos crimes de lesão corporal e descumprimento de medidas protetivas.

A Guarda Municipal de Belém se pronunciou afirmando que o suspeito foi afastado de suas funções e teve seu porte de arma funcional suspenso. Além disso, foi iniciado um processo administrativo disciplinar para apurar o caso com rigor e transparência.