Engenheiro tocantinense que estava desaparecido é encontrado morto em matagal no Pará

Jorge Augusto Fagundes, de 30 anos, era de Alvorada (TO) e estava morando em Barcarena (PA) há cerca de dois meses. Caso é investigado pela Polícia Civil.

Compartilhe:

O engenheiro civil Jorge Augusto Figueiras Fagundes, de 30 anos foi encontrado morto na tarde desta terça-feira (27) na cidade de Barcarena, no Pará. A vítima, que era natural de Alvorada, no sul do Tocantins, foi vista pela última vez por colegas de trabalho no sábado (24).

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

Segundo informações da Polícia Militar do Pará, o corpo foi localizado em uma área de mata próxima à subestação equatorial da cidade. O irmão do engenheiro, um policial militar de Barcarena, reconheceu Jorge Augusto e relatou que ele estava desaparecido desde domingo (25). A causa da morte não foi divulgada.

Um boletim de ocorrência foi registrado na segunda-feira (26). Um colega de trabalho informou que Jorge Augusto participou de uma reunião com os outros funcionários no sábado (24) e não foi mais visto depois disso.

Engenheiro tocantinense que estava desaparecido é encontrado morto em matagal no Pará
Foto: Divulgação

Os colegas tentaram contatá-lo por telefone, mas não obtiveram resposta. Além disso, o carro do engenheiro também havia desaparecido, sendo localizado apenas na segunda-feira. A família estava angustiada por não conseguir contato com o jovem.

Relatos destacam que Jorge Augusto era conhecido por seu bom humor e atenção com os colegas de trabalho. A empresa em que trabalhava emitiu uma nota de pesar lamentando sua morte.

Engenheiro tocantinense que estava desaparecido é encontrado morto em matagal no Pará
Foto: Divulgação

A perícia foi realizada no local e o corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) do Pará. Não há informações sobre o traslado do corpo para Alvorada para o sepultamento. A Polícia Civil do Pará ficará responsável pela investigação do caso.

>> Participe da comunidade do #SouMaisNoticias no WhatsApp