Cavalo fica ilhado em cima do telhado de casa após fortes tempestades no RS; Vídeo

Animal foi resgatado pelo exército com apoio do Corpo de Bombeiros. Estado chega 107 mortos e 136 desaparecidos por conta das chuvas.

Compartilhe:

Uma situação peculiar foi registrada em Canoas, no Rio Grande do Sul, Um cavalo ‘Caramelo’ ficou ilhado em cima de uma casa após fortes tempestades atingiram a região, deixando várias áreas inundadas. O animal acabou ficando preso no telhado de uma casa. A Defesa Civil Nacional mobilizou uma operação de resgate para salvar o equino, porém, até o momento, o salvamento ainda não havia sido confirmado.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

O cavalo foi resgatado pelo exército nesta quinta-feira (9).

Assista o vídeo:

Resgate

O resgate do cavalo, apelidado como ‘Caramelo’ foi feito pelo Exército com apoio do Corpo de Bombeiros — veterinários acompanharam toda a ação. Para ser retirado do local, ele foi sedado e colocado em um bote.

A situação do animal causou comoção nas redes sociais.

Cavalo 'caramelo' é resgatado após ficar ilhado em telhado
Foto: Reprodução

Atualizações

Com as chuvas intensas, o estado registra 107 mortes e 136 pessoas desaparecidas, conforme atualização desta quinta-feira (9). Partes de Porto Alegre foram completamente submersas, levando ao fechamento do aeroporto e da rodoviária da cidade. As condições climáticas instáveis devem persistir até o final de semana.

Diversas organizações estão mobilizando esforços para resgatar animais afetados pela tempestade no estado. Em áreas alagadas da região metropolitana de Porto Alegre, voluntários estão em busca de animais abandonados durante as inundações.

Rua de Porto Alegre alagada
Rua de Porto Alegre alagada — Foto: Diego Vara/Reuters

Atualmente, há aproximadamente 230,4 mil pessoas desalojadas de suas residências. Desse total, 67,4 mil encontram-se em abrigos, enquanto outras 163,7 mil estão alojadas temporariamente em casas de familiares ou amigos.

Pai é preso por torturar os filhos de 8 e 9 anos com mangueira e deixá-los horas de joelhos no milho lendo a bíblia

A situação pode se agravar com a chegada de uma frente fria, prevista para esta quarta-feira (8). Espera-se chuvas com volumes superiores a 100 milímetros em algumas cidades, além de uma queda brusca de temperatura e ventos de até 100 km/h.