Vídeo: Jacaré e sucuri brigam por mais de 2 horas em rio do Pantanal de Mato Grosso

Registro foi feito por um guia que trabalha diariamente nos rios do Pantanal, e que sempre é surpreendido durante os passeios.

Compartilhe:

Um jacaré foi flagrado atacando uma sucuri em um rio no Parque Estadual Encontro das Águas, no Pantanal mato-grossense. O registro foi feito no início deste mês pelo guia de turismo Branco Arruda.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

O guia relatou que chegou ao rio por volta das 15h20 e, cerca de duas horas depois, a luta entre a serpente e o jacaré ainda continuava.

Assista o vídeo:

O guia, que trabalha diariamente nos rios do Pantanal, afirmou que sempre é surpreendido durante os passeios. Segundo ele, o local é uma “caixinha de surpresas”.

“Já presenciei uma cena semelhante algum tempo atrás. A gente acha que já viu de tudo, mas sempre pode ver algo diferente. É só esperar que a natureza mostra”, disse.

Caçada

O biólogo especialista em serpentes, Henrique Abrahão Charles, explicou que os jacarés são predadores das sucuris, embora o contrário também aconteça quando o jacaré é filhote. Essa cena, segundo ele, não é incomum.

Ainda de acordo com o biólogo, tanto o jacaré quanto a sucuri são animais bastante resistentes, o que faz com que a luta possa durar horas.

O Parque

O Parque Estadual Encontro das Águas está localizado no encontro dos rios Cuiabá e Piquiri, na região de Porto Jofre, entre os municípios de Poconé e Barão de Melgaço, a 104 e 121 km de Cuiabá, respectivamente. A reserva possui 108 mil hectares, permitindo que se observe a exuberância do Pantanal de perto.

Os visitantes observam os animais de longe durante passeios de barco pelos rios do Pantanal.

O melhor período para observar onças é entre julho e final de setembro, durante a estação seca. Nesses meses, as onças ficam mais próximas das margens dos rios em busca de água e caça, facilitando o avistamento dos animais.

  • Com informações do G1