Segundo jovem baleado por homem encapuzados morre após ficar 5 dias internado

Ocorrência foi em Araguaína. Dois criminosos atiraram de dentro de um carro e atingiram três pessoas. Um morreu na hora e dois foram levados para o Hospital.

Compartilhe:

A segunda vítima baleada na frente de uma residência em Araguaína, Kaique Cavalcante Lima Coelho, de 18 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu no Hospital Regional da cidade após cinco dias de internação. Kaique foi atingido por disparos na cabeça e na perna durante em um ataque que ocorreu por volta das 22h do último dia 27 de janeiro.

O jovem estava acompanhado de Wesley Santos Carvalho, de 18 anos, que foi morto no mesmo dia, e de um adolescente de 14 anos, que está internado na unidade.

Jovem morre e outros 2 são baleados após criminosos encapuzados passarem atirando de carro
Wesley Santos morreu no local do crime

As vítimas foram socorridas em estado grave pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) logo após o crime. A Secretaria de Estado da Saúde comunicou que, apesar de todos os esforços das equipes médicas, Kaique não resistiu e seu óbito foi confirmado na quinta-feira, (1º).

O crime

Testemunhas relataram que dois homens encapuzados atiraram de dentro de um veículo. O tiroteio ocorreu em frente a uma casa no setor Itaipú.

O adolescente também foi atingido por disparos no pescoço, tórax, rosto, perna e braços. Populares o levaram inicialmente para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas devido à gravidade dos ferimentos, ele foi transferido para o Hospital Regional de Araguaína.

Foto: Divulgação

O caso é investigado da Delegacia de Homicídios de Araguaína. A Secretaria de Estado da Saúde expressou condolências à família e amigos de Kaique, oferecendo solidariedade neste momento de profunda tristeza.

>> Participe da comunidade do #SouMaisNoticias no WhatsApp