Restaurante que atendia 150 clientes e ainda promovia show ao vivo é fechado por força-tarefa em Palmas

Durante a ação na noite do dia dos namoradora, houve a aplicação de 10 autos de infração e nove notificações por desobediência às regras de funcionamento.

Compartilhe

Durante fiscalização na noite dos namoradores, um restaurante, localizado na quadra 105 Norte, em Palmas, foi fechado por Força-tarefa. Segundo a prefeitura da capital, o estabelecimento funcionava fora do horário permitido, atendendo cerca de 150 pessoas e com show ao vivo, o que é proibido pelo decreto em vigor na capital.

A prefeitura informou ainda que os fiscais autuaram e fecharam o restaurante até que fosse feita a regularização. Na noite deste sábado (12), a fiscalização também percorreu bares e restaurantes nacidade, com o objetivo de verificar o cumprimento das medidas sanitárias de combate à Covid-19.

Foram aplicados dez autos de infração e nove notificações por desobediência às regras de funcionamento estabelecidas pela prefeitura.

Inicialmente, as forças de segurança averiguaram a situação do funcionamento de bares e restaurantes da região central. As equipes constataram que os estabelecimentos funcionavam depois das 22h, fora do horário permitido, que não havia distanciamento entre as mesas e eram descumpridas normas sanitárias de higienização e prevenção.

Por volta de 1 hora da madrugada, as equipes seguiram para a Praia da Graciosa. No local, o público que estava consumindo bebida alcoólica foi dispersado. Na ocasião, os agentes de Trânsito e Transporte aplicaram autos de infração e removeram um veículo irregular.

Na última sexta-feira (11), uma conveniência, que funcionava fora do horário permitido, apagou as luzes e escondeu os clientes para tentar fugir da fiscalização, mas também acabou sendo fechada. Segundo relatos dos fiscais, cerca de 25 pessoas se aglomeravam em um espaço de apenas 30 metros quadrados.

As denúncias de desrespeito às medidas de flexibilização podem ser feitas no 153 ou no 190.