Polícia indicia comerciante por perseguir e matar garoto que brigou com filho dele em Araguaína

O adolescente Rafael Castro Araújo, de 17 anos, foi assassinado com golpe de faca no peito após ser envolver em briga com o filho do comerciante.

Compartilhe:

Nesta segunda-feira (24), a Polícia Civil concluiu as investigações sobre um homicídio ocorrido em maio deste ano em Araguaína, no norte do Tocantins e indiciou um comerciante de 40 anos pelo crime. O assassinato ocorreu no dia 19 de maio, no setor Vila Goiás, tendo como vítima o adolescente Rafael Castro Araújo, de 17 anos.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

De acordo com o delegado Breno Eduardo Campos Alves, as investigações revelaram que a vítima se envolveu em uma briga com outro adolescente. O pai do outro adolescente, ao tomar ciência da desavença e agressão, perseguiu, agrediu e desferiu um golpe de faca no peito de Rafael, que morreu no local.

O comerciante, que não teve nome divulgado e não possuía nenhum registro policial anterior, compareceu à delegacia e confessou a prática do crime. Ele foi indiciado por homicídio qualificado por motivo fútil.

Após a conclusão das investigações, o inquérito foi remetido ao Poder Judiciário e ao Ministério Público para a adoção das medidas legais necessárias.