Ladrão que foi filmado ‘consolando’ atendente durante assalto é morto em confronto com a PM

Homem tinha um mandado de prisão em aberto por roubo no Distrito Federal. PM afirma que durante abordagem, ele atirou contra policiais, que revidaram.

Compartilhe:

O ladrão flagrado por câmera de segurança “consolando” a atendente de uma padaria em Planaltina, região do Entorno do Distrito Federal, durante um assalto, foi morto em confronto com a Polícia Militar. Segundo a corporação, o homem estava escondido em uma casa.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

A PM afirma que ele atirou contra os policiais durante a abordagem, que revidaram, atingindo-o.

A Polícia Militar divulgou que a morte do suspeito foi registrada na quinta-feira (6). O assalto, ocorrido em 30 de maio, estava sendo investigado pela Polícia Civil. A delegada Lívia Xavier informou que, com a morte do suspeito, a investigação está encerrada. Câmeras de segurança registraram a atendente chorando enquanto entregava o dinheiro do caixa.

Assalto na Padaria

Durante o assalto à padaria em Planaltina, o ladrão tentou consolar a atendente visivelmente abalada e pediu para adicionar carteiras de cigarro ao dinheiro já colocado na sacola.

“Bota o dinheiro todinho aí… Pode ficar de boa, não vou fazer mal pra tu, não”, diz o ladrão no vídeo.

“Calma, tia, fica de boa, vou fazer mal para tu, não… calma”, insistiu ele.

Vídeo:

Conforme o boletim de ocorrência da Polícia Civil, além da atendente, o homem assaltou um cliente presente no local, levando seu celular e cartões de crédito.

O relatório detalha que o ladrão roubou cerca de 30 carteiras de cigarro, totalizando aproximadamente R$ 350, além de R$ 30 em dinheiro.

A Polícia Militar informou que o suspeito tinha um mandado de prisão em aberto no Distrito Federal por roubo. Além do crime de roubo, ele tinha antecedentes por tráfico de drogas e posse irregular de arma de fogo.