Jovem de 19 anos morre após encontro com jogador do sub-20 do Corinthians em SP

Atleta Dimas Cândido contou à polícia que a jovem desmaiou durante relação sexual e que ele chamou o Samu em seguida. Vítima teve 4 paradas cardiorrespiratórios e sangramento na vagina.

Compartilhe:

A Polícia Civil investiga a morte de uma jovem de 19 anos após se encontrar com o jogador do sub-20 do Corinthians Dimas Cândido de Oliveira Filho na noite desta terça-feira (30), no Tatuapé, Zona Leste de São Paulo.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

A jovem foi identificada como Livia Gabriele da Silva Matos e Dimas. Ela acompanhada por Dimas, foi conduzida ao pronto-socorro do Tatuapé pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que foi acionado pelo jogador.

Livia enfrentou quatro paradas cardiorrespiratórias, uma delas durante o trajeto para o hospital, chegando à unidade de saúde com intenso sangramento nas partes íntimas.

jovem de 19 anos morre após encontro com jogador do sub-20 do Corinthians em SP
Foto: Reprodução

Veja que se sabe sobre o caso e os pontos a serem esclarecidos:

  1. Ocorrência:
    • Livia Gabriele da Silva Matos, de 19 anos, encontrava-se no apartamento de Dimas quando teve uma súbita parada cardíaca. Ela foi levada ao pronto-socorro do Hospital Municipal do Tatuapé pela equipe do Samu, acionado por Dimas.
  2. Estado de Livia e Hospital:
    • Ao ser encontrada pelo Samu, Livia apresentava intenso sangramento vaginal e parada cardiorrespiratória. No hospital, enfrentou mais duas paradas cardíacas, totalizando quatro.
  3. Conhecimento Prévio:
    • Dimas afirmou que conheceu Livia meses atrás pelo Instagram, sendo o encontro na noite de terça-feira a primeira vez que se viram pessoalmente. Alega que estavam sozinhos no apartamento.
  4. Inspeção no Apartamento:
    • Após a notícia do falecimento de Livia, a polícia levou Dimas até sua residência, onde observou sangue no chão, toalhas e lençóis sujos de sangue. Uma cama havia sido deslocada para o lado, conforme alegação de Dimas devido aos procedimentos de socorro.
  5. Versão do Jogador:
    • Dimas relata que, durante o encontro, não consumiram substâncias entorpecentes nem álcool. Livia teria levado cigarros eletrônicos. Alega que, após a segunda relação sexual, percebeu que ela desmaiou e imediatamente acionou o Samu.
  6. Identidade de Livia:
    • Livia Gabriele da Silva Matos, de 19 anos, era estudante de enfermagem e morava com a família.
  7. Comunicação aos Familiares:
    • O pai da jovem soube do ocorrido quando uma enfermeira do Samu ligou informando que sua filha estava sendo levada ao hospital.
  8. Conversa com o Jogador:
    • O pai relatou que conheceu Dimas no hospital, onde o jogador informou sobre o desmaio de Livia durante a relação sexual. Dimas teria mencionado a intenção de viajar para Minas Gerais, mas o pai de Livia o impediu.
  9. Investigação Policial:
    • O caso foi registrado como morte suspeita. O apartamento será periciado, e o inquérito será conduzido pela 5ª Delegacia de Defesa da Mulher. As investigações sobre a morte da jovem estão em andamento, e Dimas não é considerado suspeito no momento.

>> Participe da comunidade do #SouMaisNoticias no WhatsApp

O que diz o Corinthians diz

Em nota, o Sport Club Corinthians Paulista informou que “está ciente dos acontecimentos que envolveram um de seus atletas da base, aguarda a investigação dos fatos e está à disposição para colaborar com as autoridades”.