Idosa atropelada em faixa de pedestre em Palmas morre após ficar mais de 2 meses internada em UTI

Acidente aconteceu em maio deste ano. Maria de Jesus Barbosa Chaves, de 68 anos, foi atendida em uma UPA e levada para o HGP três dias depois de ser atropelada, e não acordou mais.

Compartilhe:

Faleceu na terça-feira (1º), a idosa Maria de Jesus Barbosa Chaves, de 68 anos, vítima de um atropelamento ocorrido no dia 16 de maio deste ano, enquanto atravessava uma faixa de pedestre na Avenida NS-02, em Palmas. Desde o acidente, ela estava internada devido aos graves ferimentos sofridos.

O motorista do veículo que atropelou a idosa fugiu sem prestar socorro. Uma pessoa que passava pelo local no momento do acidente acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Maria de Jesus foi levada ao Hospital Geral de Palmas (HGP) três dias após o ocorrido e permaneceu internada até o dia de seu falecimento.

Segundo informações da sobrinha da vítima, a servidora pública Joerlane Barbosa, Maria de Jesus não recobrou a consciência após o acidente e não reagiu aos tratamentos.

Os ferimentos causados pelo atropelamento incluíram costelas quebradas, perfuração no pulmão, pneumotórax (presença de ar nas pleuras do pulmão) e derrame pleural, além de fraturas no ombro e bacia.

Apesar de já terem se passado dois meses desde o atropelamento, o motorista responsável ainda não foi localizado e responsabilizado pelo crime. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

Maria de Jesus morava sozinha nas proximidades do local do acidente, na quadra 104 norte. Ela não era casada e não deixou filhos.

>> Participe da comunidade do #SouMaisNoticias no WhatsApp.

O corpo foi velado pela família em uma funerária na quadra 108 norte. O enterro está previsto as 9h desta quinta-feira (3) no cemitério Jardim da Paz, em Palmas.