Duas meninas de 12 e 13 anos são estupradas após serem dopadas no sul do Tocantins

Crime aconteceu em Alvorada. Os dois suspeitos, de 19 e 20 anos, foram presos. Uma das vítimas está com hemorragia e precisou ser hospitalizada.

Compartilhe:

Dois jovens, com idades de 19 e 20 anos, foram presos em Alvorada do Tocantins, na região sul do estado. Ele são suspeitos de estuprar duas adolescentes, de 12 e 13 anos, após o suposto uso de medicamentos para dopar as vítimas. O crime aconteceu no sábado (29).

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

Duas conselheiras tutelares da cidade desempenharam um papel fundamental na prisão dos indivíduos. Por volta da meia-noite deste domingo, elas informaram a Polícia Militar, que encontrou a vítima de 13 anos internada no Hospital Regional de Alvorada. a menina forneceu o endereço e o nome dos suspeitos.

A garota relatou aos policiais que estava acompanhada de uma amiga, de 12 anos, na casa dos suspeitos, localizada no setor Lagoa Azul. Por volta das 14h do sábado, o jovem de 19 anos teria mantido relações sexuais com ela e a teria dopado com um medicamento.

Horas depois, ela começou a ter hemorragia e precisou ser hospitalizada na unidade local, mas devido à gravidade do quadro clínico, seria transferida para Gurupi.

A outra vítima, de 12 anos, também confirmou ter mantido relações sexuais com o outro suspeito de 20 anos, no mesmo local e horário relatado pela primeira vítima.

Quando abordados pelos policiais militares, ambos os jovens negaram ter mantido relações sexuais com as adolescentes e alegaram que estavam em outro local no momento dos acontecimentos.

Os suspeitos foram conduzidos à 13ª Central de Atendimento da Polícia Civil de Alvorada e autuados por estupro de vulnerável.