Ao ser preso, suspeito de roubar postos debocha e promete processar policiais: ‘Vou ser solto em questão de meses’

Homem de 32 anos foi capturado em Paraíso do Tocantins e de acordo com a Polícia Civil, crimes ocorreram os anos de 2015, 2016 e 2018.

Compartilhe:

Indiciado por suspeita de cometer uma série de roubos a lojas e postos de combustíveis, um homem de 32 anos, encontra-se preso aguardando o desenrolar do processo judicial em Paraíso do Tocantins. Entretanto, ao ser capturado, ele ameaçou processar os policiais e debochou da situação, afirmando que não ficaria muito tempo atrás das grades.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

De acordo com informações da Polícia Civil, o suspeito já foi indiciado por crimes ocorridos em Araguaína e Paraíso do Tocantins. Entre os anos de 2015, 2016 e 2018, foram registrados seis roubos a postos de combustíveis, além de outros três roubos a lojas, todos ocorridos em 2018.

Procurado desde 2018, o suspeito teve um mandado de prisão preventiva cumprido pela Polícia Militar (PM) de Paraíso no dia 28 de janeiro deste ano. Mas as informações sobre a captura dele foram divulgadas apenas nesta segunda-feira (11) pela Polícia Civil.

Segundo o delegado Felipe Crivelaro, titular da Divisão Antirroubos da Polícia Civil em Araguaína, ao ser detido, o homem chegou a solicitar os nomes dos policiais responsáveis pela sua prisão e ameaçou processá-los. Posteriormente, ele debochou da situação, afirmando: “Vou ser solto em questão de meses, pois a justiça não funciona”.

Suspeito de roubar postos debocha e promete processar policiais
Foto: Divulgação/Polícia Civil

Durante a prisão, os policiais encontraram em posse do suspeito uma arma de fogo e a quantia de R$ 6 mil em espécie. Segundo as autoridades, ele utilizava sempre o mesmo modus operandi para cometer os roubos.

“De maneira intimidatória e inapropriada, o indivíduo ainda ameaçou processar os agentes da lei que o localizaram e prenderam, sugerindo uma atuação arbitrária por parte deles, embora o homem seja procurado pela justiça por vários roubos em Araguaína e seja suspeito de outros delitos em Paraíso”, destacou o delegado.

O nome do suspeito não foi divulgado, e ele permanece sob custódia na Unidade Penal Regional de Paraíso, aguardando as decisões do Poder Judiciário.

Participe da comunidade do #SouMaisNoticias no WhatsApp