Açougue de mercado é interditado e mais de 300 kg de carnes impróprias para consumo são apreendidas

Fiscalização foi realizada em estabelecimento de Guaraí após denúncia. Além de carnes, Vigilância Sanitária recolheu mandioca nas mesmas condições.

Compartilhe:

Uma fiscalização realizada em um mercado resultou na apreensão de mais de 300 kg de produtos armazenados em condições precárias de higiene, em Guaraí, na região centro-norte do Tocantins. Entre os problemas encontrados, havia carne contaminada por moscas. A Vigilância Sanitária Municipal foi acionada após receber denúncias sobre a situação do açougue.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

O coordenador da fiscalizaçã, Vanderlito Alves Vilanova, informou que a inspeção ocorreu nesta quinta-feira (6). Durante a visita, inspetores encontraram diversos tipos de carne bovina congelada exposta à venda, todas em condições inadequadas para consumo.

Os fiscais descobriram carne moída armazenada em sacolas plásticas e contaminada por moscas devido às péssimas condições de armazenamento. Além disso, as geladeiras estavam sujas e o chão do açougue estava coberto de sangue das carnes penduradas.

Outros produtos apreendidos incluíam linguiça caseira sem registro, carne bovina para desossa com medula óssea, considerada irregular pelo órgão, e mandioca embalada sem rótulo ou registro.

No total, foram apreendidos 312.201 kg de produtos, sendo 307.051 kg de carne e 5.150 kg de mandioca. Todos os itens foram descartados no lixão municipal por não estarem em condições adequadas para venda e consumo.

Açougue de mercado é interditado e mais de 300 kg de carnes impróprias para consumo são apreendidas
Foto: Divulgação

O estabelecimento foi autuado por irregularidades e teve a área de açougue interditada devido às condições precárias de higiene, falta de organização e forte odor.

A Vigilância Sanitária enfatizou a importância de os comerciantes seguirem a legislação e cumprirem as normas sanitárias para garantir a segurança alimentar da população.