Tutor deve ser indenizado em mais de R$ 20 mil após cachorro morrer ao levar choque em praça

Tutor do animal o levou para passear na Praça do Avião, em Goiãnia (GO), quando foram surpreendidos por uma descarga vinda de uma grade terrestre.

Compartilhe:

O Tribunal de Justiça de Goiás emitiu uma decisão que impõe uma multa de R$ 23,5 mil devido à morte de um cão em uma praça pública em Goiânia, após uma descarga elétrica. O incidente ocorreu em fevereiro de 2020 na Praça do Avião, e tanto o animal quanto seu tutor foram atingidos pela descarga.

Na época, o tutor tentou socorrer o cão Aquiles, mas também sofreu um choque elétrico, impossibilitando qualquer auxílio.

O tribunal determinou que a prefeitura de Goiânia deve pagar uma multa de R$ 20 mil por danos morais e R$ 3,5 mil por danos materiais devido à falta de manutenção adequada no local.

A Prefeitura de Goiânia lamentou o episódio que aconteceu em 2020 e alegou que “realiza a manutenção constante dos espaços públicos em todas as regiões da capital”, a exemplo da Praça do Avião. O município ainda disse que foi notificado e recorreu da decisão.

O tutor do Aquiles expressou sua satisfação com a decisão do juiz e ressaltou que a segurança deve ser uma prioridade para o poder público. Ele lamentou a perda de seu amado animal de estimação em um espaço público de entretenimento, onde também havia crianças, incluindo seu próprio filho.

O tutor destacou que o episódio poderia ter causado uma tragédia ainda maior e afirmou que seu cão Aquiles sempre será lembrado e amado por sua família.

Participe da comunidade do #SouMaisNoticias no WhatsApp.