Três morrem em confronto com a PM em Goiás; Dois ex-policiais estão entre os mortos

Bombeiros afirmam que trio foi estavam sem sinais vitais dentro de um veículo HB20 prata. Todos eles apresentavam diversas perfurações por arma de fogo.

Compartilhe:

Um confronto envolvendo uma equipe do Batalhão Rural da Polícia Militar resultou na mortes de tr~es pessoas em Goianira, na Região Metropolitana de Goiânia. Ocorrência foi na tarde desta quinta-feira (21), na GO-070, nas proximidades do setor Cora Coralina.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

Os mortos são dois ex-policiais militares e um policial civil. Segundo informações da PM, o trio é suspeito de praticar roubos e extorsões em cidades do interior goiano. Além disso, outros dois suspeitos foram detidos.

Os ex-PM foram identificado como o ex-sargento Ismael, que já havia sido excluído pela corporação e o tenente da reserva Adair Ferreira de Sousa. O outro que morreu na troca de tiros teria sido identificado como Ronay Florentino da Costa.

O confronto aconteceu na tarde de quinta-feira (21), na GO-070, próximo ao setor Cora Coralina. A Polícia Militar já tinha recebido relatos sobre as atividades do grupo criminoso, que estava envolvido em uma série de roubos e extorsões contra fazendeiros nas cidades de Brazabrantes, Araçu, Inhumas e Avelinópolis.

Três morrem em confronto com a PM em Goiás; Dois ex-policiais estão entre os mortos
Foto: Divulgação

Um veículo HB20 e um Gol G5 passaram a ser objeto de monitoramento pelas equipes de inteligência como sendo utilizados pelo grupo. Durante um patrulhamento, a equipe do Batalhão Rural localizou os dois veículos trafegando pela rodovia estadual e, como resultado, iniciou-se uma perseguição na tentativa de abordagem.

A PM afirma que os ocupantes do HB20 empreenderam fuga em alta velocidade pela GO-070. Contudo, com o apoio de outros batalhões e até mesmo de um helicóptero da PMGO, os suspeitos foram cercados. Apesar disso, desobedeceram à ordem de parada e abriram fogo contra os policiais, que responderam à agressão.

Os dois indivíduos que estavam no Gol conseguiram escapar inicialmente, mas foram posteriormente capturados pelas equipes. Eles foram presos em flagrante.

Durante o tiroteio, os três ocupantes do HB20 foram mortos. O Corpo de Bombeiros foi acionado para prestar socorro, mas, ao chegar ao local, constatou-se que o trio estava inconsciente e sem sinais vitais dentro do veículo.

Três morrem em confronto com a PM em Goiás; Dois ex-policiais estão entre os mortos
Foto: Divulgação

Os bombeiros observaram múltiplas perfurações por arma de fogo nos três suspeitos. A área e os corpos foram entregues à polícia, que solicitou a presença do Instituto Médico Legal (IML) e da perícia.

Segundo a PM, entre os três suspeitos mortos no confronto estava um ex-policial militar que havia sido libertado recentemente do presídio militar, usando uma tornozeleira eletrônica, e um ex-policial militar da reserva.

O terceiro homem abatido possuía antecedentes criminais por homicídio e latrocínio. Conforme a polícia, todo o grupo foi identificado como sendo de “alta periculosidade, com extensa ficha criminal”.

Nos veículos, a PM encontrou dinheiro e caixas de cigarros, supostamente adquiridos por meio dos crimes. A carga, o dinheiro e as armas utilizadas pelos suspeitos foram apreendidos.

Após a operação policial, sete indivíduos que afirmam ser vítimas do grupo dirigiram-se à delegacia para formalizar suas denúncias.

Participe da comunidade do #SouMaisNoticias no WhatsApp