Prefeitura de Palmas regulamenta redução de 40% na taxa de esgoto

Nova lei estabelece a redução do valor da tarifa de 80% para 40% em residências e para 50% em estabelecimentos comerciais.

Compartilhe

 

A Agência de Regulação, Controle e Fiscalização de Serviços Públicos de Palmas regulamentou redução da taxa de esgoto. Com isso, os percentuais para a cobrança da tarifa passam a obedecer a promulgada pela Câmara Municipal da capital, no dia 8 de janeiro.

A resolução da Agência de Regulação foi publicada no Diário Oficial do Município, da última sexta-feira (7). A lei estabelece a redução do valor da tarifa de esgotamento sanitário, de 80% para 40% em residências e para 50% em estabelecimentos comerciais, industriais e órgãos públicos.

A resolução dispõe que a concessionária dos serviços públicos de abastecimento de água e esgotamento sanitário, a BRK Ambiental, deverá atender aos novos percentuais para o faturamento dos serviços de esgotamento sanitário a partir da sua data de publicação.

A BRK Ambiental ainda não se manifestou sobre quando a nova tarifa começará a valer para os consumidores.