Por falta de ambulância, idoso é levado para hospital em carroceria de caminhonete

Caso aconteceu em Aragominas, no norte do Tocantins. Família denunciou a situação e a prefeitura disse que duas ambulâncias estão no conserto e a outra atendia outro paciente.

Compartilhe:

O idoso Donizete Clarindo da Silva, de 67 anos, teve que enfrentar uma viagem precária e insegura de Aragominas até Araguaína, no norte do estado, na carroceria de uma caminhonete. Ele sofreu um acidente de moto e precisava de atendimento especializado, mas a cidade não tinha ambulância disponível.

Em condições precárias, Donizete teve que percorrer pelo menos 120 km desde o assentamento Reunidas, onde mora em Aragominas, até o hospital. Nas imagens compartilhadas nas redes sociais, podemos é possível vê-lo acomodado em um colchão improvisado na carroceria da caminhonete, juntamente com um equipamento de oxigênio, que estava amarrado à lona que cobria o veículo.

A chegada do idoso ao Hospital Regional de Araguaína chamou a atenção de pessoas presentes, que registraram a cena para denunciar o descaso com o paciente durante o transporte.

Foto: Divulgação

A filha do idoso denunciou publicamente essa situação, expressando preocupação com o quadro de saúde do pai, pois, além de ter sofrido um acidente, ele não estava sentindo as pernas, e a forma como foi transportado pode ter agravado a situação.

Esse incidente destaca a carência de recursos e a falta de ambulâncias adequadas para o transporte de pacientes, o que resulta em situações lamentáveis como essa, afetando a segurança e o bem-estar das pessoas que precisam de atendimento médico urgente.

Participe da comunidade do #SouMaisNoticias no WhatsApp.