Onda de calor: Temperatura em 11 capitais pode passar de 35° nesta quinta; Palmas e Cuiabá podem chegar a 40º

Nova frente fria deve atingir o Rio Grande do Sul e há previsão de chuva volumosa, principalmente no sul do estado.

Compartilhe:

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

Em meio à onda de calor que está afetando grande parte do Brasil, onze capitais podem registrar temperaturas de 35ºC ou mais nesta quinta-feira (21). Em duas delas, Palmas (TO) e Cuiabá (MT), a previsão os termômetros podem chegar a 40ºC.

Essas temperaturas elevadas fazem parte da previsão da meteorologia de que a bolha de calor no Centro-Sul do país atinja seu pico entre sexta-feira (22) e domingo (24), quando algumas localidades podem chegar a marcas na casa dos 43°C.

Na quarta-feira (20), três capitais (Campo Grande, Boa Vista e Goiânia) registraram suas temperaturas mais altas do ano de 2023, e outras oito também devem superar suas marcas até o fim de semana.

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) elevou o nível do alerta e emitiu um aviso de “grande perigo” devido ao calor para nove estados.

O alerta vermelho é valido até domingo (24) – Foto: Reprodução/INMET

Confira as temperaturas máximas e mínimas previstas para todas as capitais do Brasil nesta quinta-feira, de acordo com a Climatempo:

  • Aracaju: 27ºC / 22ºC
  • Belém: 33ºC / 25ºC
  • Belo Horizonte: 31ºC / 16ºC
  • Boa Vista: 36ºC / 25ºC
  • Brasília: 33ºC / 19ºC
  • Campo Grande: 37ºC / 25ºC
  • Cuiabá: 40ºC / 25ºC
  • Curitiba: 32ºC / 15ºC
  • Florianópolis: 29ºC / 19ºC
  • Fortaleza: 32ºC / 24ºC
  • Goiânia: 37ºC / 22ºC
  • João Pessoa: 27ºC / 23ºC
  • Macapá: 35ºC / 25ºC
  • Maceió: 27ºC / 22ºC
  • Manaus: 36ºC / 26ºC
  • Natal: 30ºC / 23ºC
  • Palmas: 40ºC / 25ºC
  • Porto Alegre: 27ºC / 18ºC
  • Porto Velho: 37ºC / 25ºC
  • Recife: 27ºC / 23ºC
  • Rio Branco: 35ºC / 23ºC
  • Rio de Janeiro: 35ºC / 18ºC
  • Salvador: 28ºC / 23ºC
  • São Luís: 32ºC / 26ºC
  • São Paulo: 33ºC / 16ºC
  • Teresina: 39ºC / 25ºC
  • Vitória: 29ºC / 20ºC

A elevação das temperaturas está diretamente relacionada ao El Niño mais intenso deste ano e à Crise do Clima, que torna os eventos climáticos extremos mais frequentes. Enquanto o calor se espalha pelo país, o Rio Grande do Sul deve enfrentar outra frente fria, com previsão de chuvas volumosas, principalmente no sul do estado. No entanto, essa frente fria não deve avançar para o restante do país devido a uma área de alta pressão que forma um “bloqueio atmosférico”, impedindo a entrada de massas de ar frio.

Série histórica

Veja as maiores temperaturas já registradas pelo Inmet em cada uma das capitais:

Maiores temperaturas registradas pelo Inmet nas capitais — Foto: Inmet/Divulgação
Maiores temperaturas registradas pelo Inmet nas capitais – Foto: Inmet/Divulgação

Na atual onda de calor, as temperaturas devem ficar 5ºC acima da média na área em laranja do mapa abaixo e até 10ºC a mais onde está vermelho.