Onda de calor excepcional: Temperatura no Tocantins pode chegar 46° nesta semana

Onda de calor afeta grande parte do país. No Tocantins as temperaturas podem chegar a 46°C em Gurupi e 43°C em Palmas.

Compartilhe:

Nesta semana, uma excepcional onda de calor afeta grande parte do Brasil, com temperaturas extremamente altas. O Tocantins também está sob a influência dessa massa de ar quente, com previsão de temperaturas de até 46°C em Gurupi e 43°C em Palmas.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

Segundo a MetSul Meteorologia, essa situação de calor extremo representa um alto risco devido à gravidade das temperaturas previstas, exigindo atenção das autoridades.

Essa onda de calor se estende por vários estados do Brasil, com temperaturas próximas ou acima de 40°C, afetando locais como Paraná, Mato Grosso do Sul, São Paulo, Mato Grosso, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás, Distrito Federal, Rondônia, Amazonas, Pará, Tocantins, Bahia, Piauí e Maranhão.

O epicentro dessa onda de calor está situado entre o Paraguai, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso, formando uma espécie de “bolha de calor”. Esse fenômeno ocorre quando áreas de alta pressão atmosférica permanecem estacionárias, comprimindo o ar próximo ao solo e elevando drasticamente as temperaturas.

Cuidados

A orientação das autoridades é que a população tome cuidados especiais durante esse período de calor intenso. É essencial manter-se hidratado, evitando a exposição direta ao sol nos horários mais quentes do dia. Além disso, a alimentação deve ser leve e rica em frutas e líquidos para evitar problemas de desidratação.

Cuidados com a pele também são importantes, como o uso de protetor solar, banhos com água fria e hidratação da pele após o banho. Em caso de insolação, é recomendável tomar um antitérmico, manter-se hidratado com bebidas isotônicas, tomar banho de água fria e aplicar um hidratante neutro na pele úmida.

Essas medidas visam proteger a saúde da população diante das altas temperaturas e minimizar os riscos à saúde causados pelo calor extremo.

>> Participe da comunidade do #SouMaisNoticias no WhatsApp.