Imagens mostram violência de batida que arrancou ponto de ônibus do chão e matou casal em Palmas

Colisão aconteceu no trecho urbano da BR-010. Com impacto da batida, o eixo dianteiro do veículo e duas rodas foi arremessado por vários metros, assim como o motor.

Compartilhe:

Imagens chocantes capturadas no local do grave acidente ocorrido na BR-010 revelam a violência do impacto, que chegou a arrancar um ponto de ônibus de concreto do chão. O carro envolvido foi partido em vários pedaços, com a traseira ficando presa no meio da estrutura do ponto. Um casal morreu.

Assista o vídeo:

A colisão ocorreu no início da manhã desta sexta-feira (28) e as vítimas foram identificadas como Wylklas Caldas Xavier, de 29 anos, e Jéssica Pereira Moraes, de 27 anos. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente ocorreu após o veículo sair da pista.

Testemunhas relataram que o carro estava em alta velocidade, fazendo zigue-zague na estrada, e perdeu o controle ao tentar mudar de faixa. No interior do veículo, também foi encontrada uma arma de fogo. Felizmente, no momento do acidente, não havia ninguém no ponto de ônibus.

Foto: Divulgação

A maior parte do carro ficou retorcida, e as vítimas ficaram presas nos destroços. O eixo dianteiro do veículo, juntamente com as duas rodas, foi arremessado a vários metros de distância, assim como o motor.

Os bombeiros foram chamados e tiveram que utilizar diversas ferramentas para resgatar os corpos das vítimas. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas infelizmente apenas pôde constatar os óbitos.

Foto: Divulgação

Os corpos foram recolhidos pelo Instituto Médico Legal (IML) após a perícia. Embora a pista não tenha sido interditada, os motoristas que passarem pelo local precisam redobrar a atenção para evitar outros acidentes.

Wylklas e Jéssica deixaram residiam na região sul da capital e tinham um filho pequeno, e ainda não há informações sobre o velório. A tragédia destaca a importância de atitudes responsáveis ao volante para evitar tais consequências fatais.