Idoso é preso por estuprar vizinha de 12 anos que vendia geladinho e ofereceu o produto a ele

Crime aconteceu em Araguatins, no norte do Tocantins. Homem ainda ofereceu R$ 150 a vítima para não ser denunciado.

Compartilhe

Um homem de 60 anos foi preso suspeito de estuprar a vizinha de 12 anos, em Araguatins, no norte do estado. Segundo a Polícia Civil, a menina estava vendendo geladinho na rua e ofereceu o produto ao Idoso. Ele concordou em comprar e pediu que ela o acompanhasse até dentro de casa. Como o idoso era conhecido da família, a adolescente não desconfiou das intenções dele e entrou no imóvel.

Ainda segundo a polícia, a menina contou que assim que entrou o homem a agarrou pelo braço e começou a arrastá-la. Ele a estuprou dentro do imóvel e após o crime ainda fez ameaças de morte e ofereceu R$ 150 para que a menina não denunciasse o abuso.

No mesmo dia, a vítima procurou a delegacia para registrar a ocorrência. O caso foi encaminhado para a 1ª Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher e Vulneráveis (1ª DEAM).

Conforme o delegado-chefe Eduardo Morais Artiaga, foi feito um exame pericial de conjunção carnal que confirmou o estupro. O caso foi no dia 28 de outubro e o suspeito foi preso após autorização da Justiça nesta quarta-feira (25), quase um mês depois.

O homem foi levado para a Cadeia Pública de Araguatins para aguardar julgamento.