Homem é morto a tiros na porta de casa em Araguaína e enteado de 17 anos é suspeito do crime

Companheira da vítima disse que o homicídio aconteceu momentos após uma discussão entre os dois.

Compartilhe

Joselito Vieira dos Santos, de 44 anos, foi morto a tiros em Araguaína, no norte do Tocantins. De acordo com a Polícia Militar, a companheira da vítima disse que o homicídio aconteceu momentos após ele e o enteado discutirem. O suspeito é um adolescente de 17 anos e não foi localizado.

O crime ao crime foi registrado por volta de 12h30 desta quarta-feira (12), no setor Nova Araguaína. A PM foi chamada após moradores ouvirem os disparos. Ao chegarem ao local, os policiais encontraram o homem já sem vida na área externa da casa.

A companheira da vítima, uma mulher de 46 anos, disse aos policiais que houve uma discussão entre Joselito e o filho dela. A mulher disse ainda que momentos depois o adolescente teria baleado o padrasto.

Joselito Vieira foi atingindo na mão esquerda e no peito. Testemunhas relataram que a vítima ainda correu alguns metros, mas caiu em frente a uma casa vizinha e não resistiu aos ferimentos.

O suspeito fugiu deixando a arma artesanal usada no crime e ainda não foi localizado.

A Polícia Científica esteve no local do crime e o corpo da vítima foi levado ao Instituto Médico Legal (IML). O caso vai ser investigado pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).