Filho tenta matar rato com disparo de arma de pressão mas acaba acertando a cabeça da própria mãe

Caso aconteceu em Araguaína, no norte do Tocantins. Idosa de 63 anos teria passado na frente e foi atingida pelo disparo. Ela foi socorrida e internada na sala vermelha do Hospital Regional.

Compartilhe

Um rapaz de 27 anos foi detido pela Polícia Militar após disparar um tiro na tentativa de matar um rato e acertar a cabeça de sua própria mãe idosa. A ocorrência aconteceu em em Araguaína, no norte do estado, e foi registrada como um caso de lesão corporal.

Os eventos transcorreram nesta sexta-feira (11) em uma residência localizada no setor Tiúba. A mulher de 63 anos, foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhada para o Hospital Regional de Araguaína.

A PM foi acionada por um dos filhos da idosa, que relatou que um rato estava no galinheiro da casa familiar. Seu irmão, o jovem de 27 anos, tentou eliminar o roedor com um disparo de uma arma de pressão. Mas o tiro atingiu a mãe na área do supercílio.

De acordo com a testemunha, após o disparo o irmão teria se dirigido a outra casa nas proximidades. A polícia conseguiu localizá-lo em seguida, mas a arma não foi encontrada. Ele foi conduzido à delegacia da Polícia Civil para os procedimentos legais necessários.

A idosa foi internada na sala de emergência do Hospital Regional. Não há informações disponíveis sobre o estado atual de sua saúde.

>> Participe da comunidade do #SouMaisNoticias no WhatsApp.