Em Palmas: Professor é denunciado pelo crime de estupro de vulnerável

Compartilhe

O crime aconteceu no último dia 31 de julho, enquanto a mãe da menina efetuava sua matrícula em uma colônia de féria. A denúncia contra o professor de dança Carlos Alberto Rex, de 50 anos, pela prática de estupro de vulnerável foi apresentada pelo Ministério Público Estadual (MPE) à Justiça, na última quarta-feira (12).

Segundo a denúncia, Carlos Alberto Rex aproveitou-se do momento em que a mãe da menina conversava sobre detalhes da matrícula e chamou a vítima e mais duas crianças para brincarem de “esconde-esconde”. O professor teria levado a menina para um quartinho da aula de dança, para que ela contasse, enquanto as outras crianças se esconderiam. Neste local, Carlos Alberto Rex teria praticado o crime.

Logo depois, a menina pediu para ir embora e relatou o caso para a mãe. Então, a Polícia Militar foi acionada e o professor levado para delegacia, onde foi preso em flagrante.

Segundo o MP essa não é a primeira vez que Carlos Alberto Rex se envolve nesse tipo de situação, pois já foram registrados contra ele mais dois boletins de ocorrência narrando crime de estupro de vulnerável contra crianças, praticados em uma escola pública municipal.

O Código Penal Brasileiro prevê pena de oito a quinze anos de reclusão para quem praticar conjunção carnal ou outro ato libidinoso com menor de catorze anos de idade.

 

Compartilhe essa notícia