Deputados aprovam ICMS único da gasolina no Tocantins

Parlamentares também aprovaram a Lei que concede revisão geral anual de 5,93% referente à data-base.

Compartilhe:

A Assembleia Legislativa aprovou, nesta terça-feira (20), a Medida Provisória que modifica a Lei de Nº 1.287/2001, que trata das Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS) sobre as operações de combustíveis.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

Conforme o texto, a lei tem o objetivo de igualar a cobrança do ICMS, ou seja, as alíquotas passam a ser uniformes em todo território nacional, conforme decisão do Supremo Tribunal Federal (STF). A cobrança será de R$ 1,22 por litro. A variação no preço será de 0,9% no Tocantins.

Os parlamentares também aprovaram a MP nº 10, de 28 de abril de 2023, de autoria do Governo do Estado, que dispõe sobre a revisão geral anual da remuneração dos servidores públicos do Tocantins, foi aprovada pelos deputados estaduais. 

A lei concede revisão salarial de 5,93% referente à data-base, com efeitos financeiros a partir de 1º de maio de 2023. O texto informa que a revisão ocorreu em mesmo percentual financeiro (de 5,93%) e em igual data para todas as carreiras, correspondendo o índice à real capacidade orçamentária financeira do Estado.

Em outra Medida Provisória, de nº 11/2023, o texto modifica o anexo da Lei nº 3.421, de 23 março de 2019, que abrange a estrutura administrativa do Poder Executivo. Ela repõe perdas inflacionárias referentes ao ano de 2022, de cargos em comissão de direção e assessoramento, tendo como base o mesmo índice de 5,93%.

A terceira MP refere-se também à organização da Administração Direta e Indireta do Poder Executivo Estadual. Ela apresenta tabela de símbolos e valores dos subsídios dos cargos de provimento em comissão de direção, chefia e assessoramento dos integrantes da estrutura administrativa do Estado.