Homem suspeito de matar pedreiro com pedradas na cabeça em Luzimangues é preso em Pium

Crime aconteceu em outubro deste ano. Corpo da vítima foi encontrado por moradores no dia seguinte em um matagal.

Compartilhe

Um homem foi preso nesta terça-feira (23), em Pium, na região central do Tocantins. De acordo com a Polícia Civil, ele é suspeito de ter participado do assassinato de um pedreiro há menos de um mês. A vítima foi morta em um matagal após levar pedradas na cabeça. O segundo suspeito está foragido.

O crime aconteceu no dia 30 de outubro deste ano em Luzimangues, distrito de Porto Nacional. O investigado foi preso durante cumprimento de mandado de prisão preventiva.

Segundo a polícia, a vítima morava em Luzimangues, onde trabalhava como pedreiro. As investigações apontaram que no dia do crime dois suspeitos atingiram a cabeça do homem com pedras. Ele teve ferimentos graves e não resistiu.

“O corpo foi deixado em um matagal e só encontrado no dia seguinte por populares”, disse o delegado responsável pelo caso, Diogo Fonseca.

Após ser preso, o homem foi encaminhado para a Unidade Penal de Porto Nacional. O outro suspeito de participar do crime já foi identificado, mas está foragido e é procurado pela polícia.

A Polícia Civil não informou a motivação do crime e disse que “outras informações poderão ser divulgadas em tempo oportuno”.