Roupas com sangue e bicicleta são encontradas em bueiro onde criança de 5 anos foi estuprada

Crime aconteceu em Miranorte, na região central do Tocantins. Suspeito tentou fugir para área de mata, mas acabou capturado antes de ser linchado pela população. Material será analisado pela perícia.

Compartilhe

Após o sequestro e estupro envolvendo uma menina de cinco anos que chocou a população de Miranorte, na região central do estado, a perícia encontrou vários pertences do suspeito do crime, incluindo uma bicicleta, bem como roupas da criança manchadas de sangue. Esses materiais foram localizados nas proximidades de um bueiro, em uma área de mata próxima à BR-153.

Vídeos registrados por moradores locais mostram o local onde a menina foi encontrada e os objetos deixados pelo suspeito durante sua fuga. Assista:

O crime

O crime ocorreu na noite da terça-feira (22). A criança desapareceu de sua residência por volta das 17h e só foi localizada por volta das 20h. Ela estava próxima ao local onde, aparentemente, foi vítima de estupro pelo suspeito. Este indivíduo tentou fugir quando foi surpreendido por pessoas que auxiliavam nas buscas pela menina.

Ele escapou para uma área de mata e quase foi alvo de linchamento por parte da população local, mas acabou sendo detido pela Polícia Militar (PM).

Foto: Reprodução

Após ser capturado e chegar à delegacia sem roupas, o suspeito foi conduzido à Central de Flagrantes de Miracema. Segundo a polícia, ele apresentava várias lesões decorrentes das agressões supostamente infligidas pela população.

A Secretaria de Segurança Pública (SSP) esclareceu que no local, próximo ao bueiro, foram encontrados objetos e roupas aparentemente pertencentes ao homem. Além disso, foram encontradas roupas sujas de sangue que eram da vítima.

A criança, após ser localizada, foi inicialmente levada ao Hospital Regional de Miracema. Na madrugada da quarta-feira (23), ela precisou ser transferida para o Hospital Geral de Palmas (HGP), onde permanece internada.

Investigação

A SSP informou que amostras de material biológico foram coletadas para fins de análise forense. O prazo para a conclusão dos laudos relativos ao crime não foi especificado, pois eles serão encaminhados ao delegado encarregado da investigação, que está sendo conduzida em sigilo. O caso está sob a responsabilidade da 66ª Delegacia de Polícia de Miranorte.

Foto: Reprodução

A SSP detalhou que o homem foi transferido para Palmas para preservar sua segurança. O auto de prisão foi formalizado na Central de Atendimento de Taquaralto, e o suspeito está detido na unidade prisional de Palmas.

>> Participe da comunidade do #SouMaisNoticias no WhatsApp.