Mulher é baleada no rosto dentro da escola em que ela trabalha no interior do Tocantins; ex-marido é suspeito

Tentativa de feminicídio aconteceu em Dois Irmãos. Mulher foi socorrida e levada para o Hospital Geral de Palmas.

Compartilhe:

Uma mulher sofreu uma tentativa de feminicídio enquanto trabalhada em uma escola municipal de Dois Irmãos, na região centro-oeste do estado. De acordo com a Polícia Militar, a vítima foi baleada no lado esquerdo do rosto, mas foi socorrida e levada para o Hospital Geral de Palmas (HGP) e não corre risco de morrer. O ex-marido da vítima é suspeito do crime.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

O crime aconteceu no fim da manhã desta quarta-feira (28). A vítima primeiro foi levada para o hospital da cidade, onde chegou consciente e verbalizando.

Ainda de acordo com a PM, antes de ser transferida para a capital a mulher contou que estava trabalhando, na Escola Municipal Petrônio Lima Arbues, quando o ex-marido apareceu e cometeu o crime. Testemunhas relataram que o homem teria agredido a mulher com um soco antes de efetuar o disparo.

A vítima teria se separado do suspeito há cerca de um mês, mas o homem não se conformava com o fim da relação. Testemunhas contaram que o rompimento do do casal se deu após um vídeo de uma suposta traição da mulher circular na redes sociais. As imagens teriam sido gravadas pelo próprio ex-marido. A vítima teria medida protetiva contra o agressor.

A perícia esteve no local do crime para da início às investigações. A Polícia Militar fez patrulhamentos, mas não conseguiu localizar o suspeito. A Polícia Civil foi informada sobre o caso.