Motorista que atropelou e matou dois ciclistas em Paraíso do TO se apresenta à Polícia Civil

Acidente aconteceu na terça-feira (28), na descida da serra do Estrondo.  e Polícia informou que ele não foi encontrado no local após a colisão.

Compartilhe

 

O motorista suspeito de atropelar e matar dois ciclistas em Paraíso do Tocantins, se apresentou à polícia na manhã desta sexta-feira (31). Ele conduzia a carreta que ficou descontrolada na descida da serra do Estrondo que atingiu as vítimas e pegou fogo após bater em uma encosta. O homem não teve a identidade revelada pela Polícia Civil.

Conforme a Secretaria de Segurança Pública, o motorista se apresentou na 62ª Delegacia de Paraíso do Tocantins, acompanhado de um advogado. Ele foi ouvido e liberado para responder em liberdade. A polícia não deu detalhes sobre o depoimento e o delegado informou que novas informações serão divulgadas somente após a conclusão do inquérito.

O acidente aconteceu no início da noite da última terça-feira (28) na TO-080. Após a colisão, ele fugiu do local e não foi encontrado. A informação foi confirmada tanto a Polícia Militar como os Bombeiros informaram que o motorista fugiu do local e não foi encontrado.

A pasta informou ainda que a perícia no local foi realizada no mesmo dia do acidente pelo 5º Núcleo Regional de Perícia Criminal. Testemunhas do acidente também serão ouvidas.

Entenda

Os dois ciclistas que morreram foram identificados como Thiago Krygsman Horácio, de 35 anos, e Thiago Batista Branquinho Moreira, de 32. Os dois eram moradores de Paraíso do Tocantins.

No momento do acidente, os dois estavam passeando e praticando atividades físicas, na descida da Serra do Estrondo. A Polícia Militar informou que a carreta seguia no sentido Palmas – Paraíso, quando perdeu o controle e atingiu os ciclistas. Um deles teve o corpo carbonizado e uma das pernas amputadas.

Após o atropelamento, o caminhão bateu na encosta da serra e pegou fogo. As chamas também atingiram a vegetação nas margens da rodovia, mas foram controladas pelos brigadistas.