Jornalista e duas amigas postaram vídeo da viagem antes do acidente que tirou a vida das três em Goiás

Vitimas tinham Saído do Tocantins com destino a Goiás, onde participariam de um encontro de motoclube feminino. Acidente envolveu três veículos.

Compartilhe:

As três amigas de Gurupi, no sul do estado, que morreram em grave acidente na BR-153 em Goiás, publicaram um vídeo horas antes da batida fatal. A jornalista Leilane Macedo, a fisioterapeuta Hosana Andrade e a escritora Luana Carvalho estavam em um carro de passeio indo para Abadia de Goiás, onde o encontro aconteceria.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

O acidente envolveu um caminhão e dois veículo de passeio. A jornalista Leilane Macedo, a fisioterapeuta Hosana Andrade e a escritora Luana Carvalho estavam em um carro e tinham saído de Gurupi com destino a Abadia de Goiás, onde o encontro aconteceria.

O acidente aconteceu perto de São Luiz do Norte (GO). De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a motorista teria tentado fazer uma ultrapassagem, bateu em um outro carro, invadiu a pista contrária e foi atingida por um caminhão.

O encontro de motoclube seria na tarde deste sábado (10).

Foto: Divulgação

A PRF informou que a motorista e uma passageira morreram no local. A terceira vítima, que estava no banco traseiro do veículo, chegou a ser levada a um hospital da região, mas não resistiu. Os corpos estão no Instituto Médico Legal (IML) de Uruaçu, aguardando a chegada de familiares para a liberação.

Nenhum dos ocupantes dos outros veículos se feriu. A perícia esteve no local, juntamente com o Corpo de Bombeiros.

As vítimas

Leilane Macedo era jornalista formada pela Universidade de Gurupi (UnirG) e atuou por mais de 15 anos na área. Recentemente foi editora regional e apresentadora da TV Anhanguera, em Gurupi, até integrar a equipe da assessoria de comunicação da prefeitura da cidade. Ela deixa esposo e filho.

Foto: Reprodução

Hosana Andrade era pós-graduada em saúde pública e pós-graduanda em neuropsiquiatria. Atuava no atendimento infantil e adulto, como fisioterapia neuropediátrica e pilates kids e adulto. Também deixa esposo e filho.

Luana Carvalho era escritora, ganhadora de prêmios no Festival “Poesia Falada”, da Universidade de Gurupi (UnirG) e autora no livro “Antologia Infanto-Juvenil”.

A prefeitura de Gurupi decretou luto de três dias pelo falecimento das três jovens.