Fotógrafo paulista fica ferido após ser atropelado enquanto fazia registro de etapa do Rally Jalapão

Doni Castilho está internado no Hospital Geral de Palmas. Organização do evento diz que a família tenta a transferência dele para São Paulo.

Compartilhe:

Um fotógrafo Doni Castilho foi atropelado durante enquanto fazia registros de uma das etapas do Rally Jalapão. Ele foi socorrido e levado para o Hospital Geral de Palmas (HGP). Doni está internado na unidade e segundo a organização do evento, a família tenta a transferência dele para São Paulo, onde residem.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

O acidente aconteceu no município de São Félix, na quinta-feira (24). Segundo a organização do evento, o fotógrafo estava posicionado em um local inadequado para fotografar e acabou sendo atingido por um dos veículos participantes da competição.

A equipe do Rally informou que o fotógrafo está em condição estável e está recebendo atendimento no setor de traumatologia e ortopedia do Hospital Geral de Palmas (HGP). No sábado (24) pela manhã, a equipe médica do hospital informou que será necessária uma cirurgia para corrigir uma fratura no quadril. Além disso, o fotógrafo também sofreu fraturas em duas vértebras, que não exigirão cirurgia.

A organização do evento afirmou que a família do fotógrafo está buscando a remoção dele por meio de ambulância terrestre e também prefere que a cirurgia seja realizada na cidade de São Paulo.

Moto em trilha durante o Rally do Jalapão

O Rally Jalapão teve início na quarta-feira (21), partindo de Palmas em direção à região do Jalapão. Os pilotos percorreram 268 quilômetros até a cidade de Mateiros, que foi a cidade-sede, e a competição foi encerrada no sábado (24).

O Rally Jalapão começou na quarta-feira (21). A largada da 9ª edição partiu de Palmas com destino a região do Jalapão. Os pilotos percorreram 268 quilômetros até Mateiros, cidade anfitriã, e a competição terminou neste sábado (24).