Em Dianópolis: Idoso suspeito de agredir mulher e filhas é preso após polícia encontrar armas na casa

Homem de 64 anos também foi flagrado caçando animais silvestres ilegalmente.

Compartilhe:

Um idoso de 64 anos foi preso em flagrante por porte ilegal de arma de fogo e também por crime ambiental após policiais irem investigar uma denúncia de violência doméstica nesta terça-feira (24). O caso foi registrado em Dianópolis, no sudeste do estado. De acordo com a Polícia Civil, os agentes foram até o local porque receberam informações de que a mulher e as filhas do suspeito vinham sendo agredidas por ele.

>> Siga o canal do "Sou Mais Notícias" no WhatsApp e receba as notícias no celular.

Ainda de acordo com a polícia, o idoso não estava em casa quando os policiais chegaram, mas a esposa autorizou a entrada da polícia. Dentro do imóvel, foram encontradas armas sem registro. A família mora no projeto de assentamento Manoel Alves, na zona rural da cidade.

O suspeito foi localizado pouco depois caçando em uma região de mata próxima da casa. Ele estava armado e tinha acabado de abater um tatu quando foi encontrado. Como a caça de animais silvestres é proibida, ele também vai responder pelo crime ambiental.

O flagrante foi registrado por causa das armas e da caça ilegal, mas as denúncias de violência doméstica seguem sob investigação. Existe ainda uma suspeita de violência sexual por parte do homem. O nome do suspeito não foi divulgado pela polícia.

Após ser ouvido na sede da delegacia, o idoso foi levado para a Casa de Prisão Provisória de Dianópolis.

Foto: Divulgação/SSPTO