Dono de loja de armas reage a assalto e atira em criminosos em Araguaína; um deles morreu

O homem que morreu foi identificado como Gideon Fernandes Maranhão. O outro assaltante teria ficado ferido e conseguiu fugir.

Compartilhe

Um suspeito foi morto e outro ficou ferido após um tiroteio em uma suposta tentativa de assalto em Araguaína, no norte do Tocantins. O caso foi registrado na na manhã desta quarta-feira (22), no estacionamento de uma galeria comercial no centro da cidade. Dois homens teriam chegado ao local em uma motocicleta e tentado abordar um empresário, que é dono de uma loja de armas e estava com uma pistola .45.

Testemunhas contaram a polícia ter ouvido pelo menos seis tiros. Os dois suspeitos acabaram baleados. Um deles morreu ainda no local e o outro conseguiu fugir a pé. O morto foi identificado como Gideon Fernandes Maranhão, de 28 anos.

Segundo a Polícia Civil, o homem morto tinha várias passagens por crimes de roubo e era conhecido na região. Buscas pelo segundo suspeito são feitas pela Polícia Militar. A hipótese mais provável, segundo a polícia, é de que ele tenha atravessado terrenos baldios para sair da região central da cidade.

Ainda de acordo coma polícia, o empresário se apresentou espontaneamente ao delegado de plantão para prestar esclarecimentos. Ele será ouvido e vai responder em liberdade, uma vez que inicialmente as circunstâncias indicam ser um caso de legítima defesa.

Um inquérito foi instaurado para apurar o caso de forma aprofundada.