Com foco no agronegócio sustentável, governo faz lançamento da Agrotins em Palmas

Compartilhe:

Com o tema Agronegócio de Atitude Sustentável, o governador Mauro Carlesse (PHS), lançou na tarde desta segunda-feira (8), a 19ª edição da Feira de Tecnologia Agropecuária do Tocantins (Agrotins). O evento será realizada no período de 7 a 11 de maio, no Parque Agrotecnológico de Palmas.

A cerimônia aconteceu no auditório do Palácio Araguaia, com a presença de representantes do agronegócio, autoridades políticas e membros da sociedade civil. A feira é considerada a maior feira do gênero da região norte e a 5ª maior do País.

Na ocasião, o Governador destacou o potencial do Estado e os investimentos que estão sendo realizados para melhorar a infraestrutura e atrair novos empreendimentos. Destacou ainda que a Agrotins é uma grande vitrine para os produtores do Tocantins, que reúne representantes de todos os segmentos.

Já o secretário da Agricultura, Pecuária e Aquicultura, César Halum, afirmou que a Agrotins é um evento do setor produtivo tocantinense que a cada ano mostra o crescimento e a importância do agronegócio no Estado.

O secretário disse que uma nova avenida foi aberta no interior do parque, o que vai permitir a expansão do número de expositores, agências bancárias e outros.

Homenagens

Durante o evento foram homenageados o ex-governador Siqueira Campos e os ex-secretários de estado da Agricultura, Jalbas Aires Manduca, Nasser Yunes e Roberto Sahium, que idealizaram e realizaram as primeiras edições da Agrotins.

Centro Tecnológico

O Centro Agrotecnológico de Palmas conta com uma área de 70 hectares, onde são instaladas unidades demonstrativas de campo, área para dinâmicas, estandes, estacionamentos, praça de alimentação, vias de circulação, auditório e demais edificações de apoio.

A expectativa da Seagro é que cerca de 700 expositores de empresas de máquinas agrícolas, insumos e serviços agrícolas, agroenergias, fazendas, construção civil, concessionárias de veículos, associações e cooperativas, instituições bancárias, órgãos públicos da esfera federal, estadual e municipal, entre outros ligados ao setor agropecuário exponham seus produtos durante os cinco dias de evento.

Tecnologias

Em mais de uma década e meia, a Agrotins vem se firmando como referência na divulgação, transferência de conhecimento e tecnologia para o crescimento do segmento agropecuário regional, atraindo expositores e investidores de várias partes do Brasil que têm, entre as fontes econômicas, o agronegócio.

No evento são apresentadas vitrines tecnológicas com indicação de novas cultivares, adaptadas à realidade do clima e solo da região, e economicamente viáveis, além de palestras e cursos voltados para a área rural, exposição e julgamento de raças de animais, torneio e a modernidade de máquinas e implementos agrícolas e veículos.

Evolução

A história da Agrotins é de sucesso. Na primeira edição, em 2001, realizada na Fazenda Dom Augusto, no município de Porto Nacional, foram movimentados R$ 7 milhões em volume de negócios, esse número foi crescendo e em 2018 superou o valor de R$ 1 bilhão.

Quanto ao número de visitantes, também houve evolução considerável, pois, na primeira Agrotins, foram pouco mais de 10 mil pessoas e, de 2018, mais de 142.728 mil vindos de todas as regiões do Tocantins e de diferentes estados brasileiros.

Parte do sucesso em volume de negócios se deve também à participação das instituições financeiras, oferecendo linhas de crédito, taxas reduzidas e serviços especiais para o público da Agrotins.

A quantidade de empresas e instituições participantes também é fator preponderante no sucesso da Feira e o número de expositores cresceu significativamente. Em 2001, foram 88, e foi crescente até 678 expositores em 2018.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *