Ancião indígena de 98 anos está desaparecido há 12 dias na Ilha do Bananal

Pedro Ijetura Karajá é membro da aldeia Fontoura.. Ele entrou na mata com outros indígenas para buscar materiais para artesanato e sumiu.

Compartilhe

Um ancião indígena de 98 anos está desaparecido na Ilha do Bananal há 12 dias. Pedro Ijetura Karajá entrou na mata com outros membros da aldeia Fontoura para buscar materiais para fazer artesanato e desde então não foi mais visto.

O indígena é um dos líderes da comunidade e inclusive já foi cacique da mesma aldeia. “Saiu para buscar buriti e de repente ele sumiu. Foi por volta das 15h da tarde e até a gora não apareceu”, contou o cacique Harawana Karajá.

Os bombeiros chegaram a ser chamados para auxiliar nas buscas no final da semana passada. Segundo a assessoria da corporação, os militares permaneceram no local por três dias, mas nada foi encontrado e por isso resolveram encerrar os trabalhos e retornar para a base.

O cacique informou que chegou a pedir o apoio do helicóptero da Segurança Pública, mas foi informado de que a aeronave estaria em manutenção. Ele espera apoio dos órgãos do estado para ajudar na procura. “A gente viu um rastro de chinelo e a comunidade segue procurando”, disse.

A Secretaria de Segurança Pública (SSP) confirmou que a aeronave está em manutenção, mas afirmou que outros órgãos do estado poderiam auxiliar nas buscas.

*Por G1