Mulher é morta a tiros após reclamar de homem que estourou bombinha ao lado dela em Minas Gerais

A mãe da vítima foi baleada. O suspeito, que não teve a sua identidade revelada, exerce um cargo de confiança na prefeitura da cidade de Perdões.

Compartilhe

Thalisa Micaelle Gomes da Silva, de 23 anos, foi morta a tiros após discutir com um homem que estourou uma bombinha perto dela e de sua mãe. O crimo ocorreu após as duas reclamarem com o suspeito na cidade de Perdões, no sul de Minas Gerais, na última quarta-feira (15). A mãe da vítima foi baleada.

Segundo a Polícia Civil de Minas Gerais, o homem, que não teve a sua identidade revelada, exerce um cargo de confiança na prefeitura da cidade. Ele ainda não foi preso.

Testemunhas contaram que, após Thalisa reclamar da bombinha, ele teria sacado a sua arma e disparou contra a jovem.

A Thalisa foi atingida por um tiro na bochecha e dois nas costas. Ela chegou a ser socorrida e encaminhada para um hospital da região, mas não resistiu aos ferimentos.

A ocorrência foi repassada para a Polícia Civil para investigações.

*Com informações do jornal O Tempo