Homem mata esposa, filha de 3 anos e sogra e liga para polícia: “Fiz besteira”

Feminicídio triplo aconteceu em Campinas (SP). Suspeito foi preso e contou à polícia como matou as três com golpes de pá e enxada.

Compartilhe

Um homem de 30 anos foi preso em flagrante suspeito de matar a filha, de 3 anos, a esposa e a sogra com golpes de pá e enxada na cabeça, na Vila Aeroporto, em Campinas, em São Paulo. Logo depois do crime, ele ligou para a Polícia Militar e disse que tinha feito “besteira”.

O crime teria ocorrido após uma discussão entre o casal. A sogra, de acordo com o suspeito, tentou intervir. A Polícia Civil informou que o homem teria matado a filha, Manuella Bernardes Santana, e a sogra, Creuza Aparecida Bernardes, de 71 anos, na noite da última segunda-feira (17).

Já a esposa dele, Claudia Bernardes Santos 34 de anos foi assassinada na manhã de terça-feira (18). Após ser preso, o homem prestou depoimento e conforme contou o delegado Mateus Rocha, da 2ª Delegacia de Defesa da Mulher “estava bastante tranquilo e falou tudo espontaneamente”.

No dia do crime, ainda de acordo com o relato do suspeito à polícia, houve nova discussão.

“Ele saiu de casa a pretexto de buscar refrigerante para a família, e decidiu que era aquele o momento de praticar o crime. Voltou para casa, se apoderou da ferramenta que tinha lá, agrediu primeiramente a sogra, a filha, em seguida a esposa entrou em luta corporal e acabou sendo vitimada”, destacou o delegado que trata o caso como triplo feminicídio.