Gado fica preso em alagamento no rio do Tocantins, no Bico do Papagaio; Vídeo

Caso aconteceu em assentamento na zona rural de Esperantina que sofre com a cheia no rio. Imagens mostram que moradores precisaram arrastar animais da inundação em barcos.

Compartilhe

Moradores da zona rural de Esperantina, no Bico do Papagaio, ao norte do Tocantins, temem perder os animais que criam para sobreviver por causa das enchentes que atingem todo o extremo-norte do estado. Vídeos feitos pelos ribeirinhos mostram o gado cercado pela água, sem conseguir fugir e tendo que ser “arrastado” nas laterais de barcos pelos moradores.

As imagens são de assentamentos próximos ao rio Tocantins. A situação é critica nas comunidades de Lago Preto, Embaúba e Boa Esperança. Todas as famílias que moram por lá tiveram que deixar as casas, com água já na janela e se refugiar com parentes na cidade.

Assista o vídeo:

O balanço mais recente da Defesa Civil indica que “não há informação precisa” sobre o número de desabrigados e desalojados em Esperantina. A cidade é cheia de povoados remotos e de difícil comunicação, o que dificulta o resgate.

Segundo os moradores, pelo menos 300 cabeças de gado foram retiradas de fazendas e colocadas em áreas um pouco mais elevadas. Os proprietários não sabem se isso será suficiente, já que o território no local é plano e continua chovendo forte. As estradas rurais estão com trechos de até 8 km debaixo d’água e os bois não conseguiriam nadar essa distância toda.

Foto: Reprodução

O drama em Esperantina reflete o que já é observado há dias em outras cidades da região. Praia Norte e São Miguel estão casas embaixo da água e moradores usando barcos como caminhões de mudança para salvar o que podem.

Na noite desta quarta-feira (5) o Governo do Tocantins decretou situação de emergência por causa das enchentes. A medida determina a mobilização de todas as secretaria para socorrer as vítimas e autoriza a contratação emergencial de produtos e serviços sem licitação.

*Por G1